Eventos

Todos barraqueiros que vão trabalhar durante a 21ª edição do Festival do Camarão passam por um curso de manipulação de alimentos realizado pela Fundacc – Fundação Educacional e Cultural de Caraguatatuba em parceria com a Escola Técnica (Etec).

São 120 pessoas entre pescadores e ajudantes de cozinha que durante três horas aprendem noções importantes de acondicionamento de produto, higiene e manipulação do crustáceo. Todos os participantes recebem certificado e carteira de saúde.

Barraqueiros do Festival do Camarão participam de curso de manipulação de alimentos (Fotos: Divulgação)

Fotos: Divulgação

Há sete anos Creusa Mendes Ramalho, 53 anos, participa do Festival do Camarão. Para ela, fazer o curso é oportunidade de aprender mais e desta vez ela ficou atenta ao que foi falado sobre a temperatura ideal dos alimentos.

Aos 23 anos, Romário Antunes de Sá não só fez o curso como acompanhou suas cozinheiras na aula. “O professor ensina muito bem. Estou bem satisfeito”.

“A Fundacc entende ser de extrema importância esse curso, que aprimora cada vez mais as habilidades que eles têm com o camarão e os cuidados com o produto que é a base do nosso festival”, diz a presidente da fundação, Silmara Mattiazzo.

Para o presidente da Associação dos Pescadores do Camaroeiro, Glaidson Alves Macedo, “o curso é importante porque aprendemos técnicas diferentes de decoração dos pratos e apresentação”.

Este ano o Festival do Camarão será realizado em dois finais de semana, de 11 a 15 e 19 a 22 de julho na Praça da Cultura (Avenida da Praia), Centro de Caraguatatuba.