OutrosFotos: JC Curtis/Fundacc

Mais de 80 mil pessoas prestigiaram a 21ª edição do Festival do Camarão de Caraguatatuba que este ano foi realizado durante nove dias. Com extensa programação musical e cultural, o evento superou as expectativas dos organizadores. Todos os dias a praça de alimentação ficou lotada, o consumo ultrapassou as 40 toneladas previstas e os visitantes aproveitaram as opções oferecidas além do prato principal à base do crustáceo.

Fotos: JC Curtis/Fundacc

Fotos: JC Curtis/Fundacc

Ana Cristina Silva, 32 anos, é caiçara, mas mora em Taubaté. Todo ano ela faz questão de descer para apreciar a festa. “Cada ano ela está mais bonita e surpreendente”.

O Festival do Camarão é realizado pela Fundacc – Fundação Educacional e Cultural e Prefeitura de Caraguatatuba em parceria com a Comunidade Pesqueira da Praia do Camaroeiro.

Para o presidente da Associação dos Pescadores do Camaroeiro, Glaydson Alves Macedo, o Gresso, o sucesso foi tanto que os associados já falam em fazer a festa 15 dias seguidos, sem a parada no meio da semana como ocorreu nesta edição.

“O movimento foi constante e se tivesse mais dia de festa, com certeza venderíamos camarão”, contou ele que teve de ir ao mar mais duas vezes para pescar mais camarão.

Feliz também com o sucesso do festival está a presidente da Fundacc, Silmara Mattiazzo, que avaliou o evento como positivo. “Foi muito melhor do que esperávamos, conseguíamos atender uma parcela grande da população e dos visitantes, o que mostra que estamos no caminho certo”.

Junto com a Casa da Farinha e a Casa Caiçara, em um pequeno espaço foi montado o Rancho Caiçara, que se tornou um local de bate papo e degustação de pratos típicos como a sirizada e lambe-lambe, feito com marisco e arroz.

“Na próxima edição vamos aumentar esse espaço para que nossa tradição possa ser apreciada por todos que nos visitam de uma forma ainda mais aconchegante”, disse Silmara.