Telefone

12 3897-5660

E-mail

contato@fundacc.sp.gov.br

Horário de funcionamento

Seg - Sex: 8h às 17h30

O Teatro Mario Covas de Caraguatatuba recebe, nesta sexta-feira (28/4), em apresentação única e gratuita, o espetáculo Oju Orum do Coletivo Quizumba e a oficina de teatro Caleidoscópio para a formação do olhar/espectador.

Com direção de Johana Albuquerque e texto de Tadeu Renato, Oju Orum é um espetáculo voltado para o público jovem que tem como base de sua pesquisa elementos da cultura africana e afro-brasileira, tais como: a Capoeira Angola, o Samba, o Funk e as Narrativas Orais. A pesquisa para a dramaturgia surgiu das muitas versões da história da negra Anastácia (santa popular que teria o nome de Oju Orum em África), e de histórias recolhidas pelo Coletivo Quizumba em uma série de Núcleos de Investigação realizados no distrito do Jabaquara com mulheres de diferentes idades e regiões do Brasil.

Dessas pesquisas e encontros nasceram quatro narrativas de jovens mulheres que expõem, simbolicamente, os discursos de poder que estão por trás da construção de gêneros. Caladas em suas falas e corpos, essas jovens procuram construir uma voz que lhes permita questionar e ressignificar suas vidas.

O espetáculo não pretende trazer uma versão da mulher como vítima, mas sim como ser histórico, trazendo à tona narrativas de mulheres comuns: suas vivências, experiências e lutas. Estes temas densos são contados através de imagens poderosas, canto, dança e narrativa, criando uma linguagem lúdica e reflexiva que estabelece um diálogo fluido com o público.

Oficina

A Oficina Caleidoscópio visa compartilhar a experiência dos participantes do grupo em relação à montagem do espetáculo com expectadores. Ela será voada para jovens a partir dos 12 anos que, posteriormente, podem assistir à peça. Ao final dela, ainda haverá um bate-papo em torno do espetáculo.

Coletivo Quizumba

O Coletivo Quizumba é feito por artistas e educadores formados pelo Instituto de Artes da Unesp, Escola Livre de Teatro de Santo André e SP Escola de Teatro. Ele surgiu em 2008 com a proposta de estudar, debater e realizar ações artísticas que provocam o público a agir e refletir sobre questões estéticas e políticas do mundo contemporâneo, com foco no estudo da historiografia e da formação cultural do Brasil e nos símbolos das culturas africanas e afro-brasileiras

Serviço

Oficina de Teatro e Espetáculo OJU ORUM

Data: 28/4 (sexta-feira)

Horário: 14h | 20h

Local: Teatro Mário Covas, Avenida Goiás, 187, Indaiá, Caraguatatuba

Ingresso: Gratuito (Limite de 15 participantes) | Gratuito (Retirar ingressos com 1 hora de antecedência)

Classificação indicativa: 14 anos.

Informações: (12) 3881-2623

Posts Relacionados