FolcloreFotos: JC Curtis/Fundacc

Pelo menos 30 pessoas, entre experientes e iniciantes, participaram no domingo (22) da 21ª Corrida de Canoa Caiçara realizada na Praia do Centro de Caraguatatuba. O número de inscritos superou a expectativa da organização e ganhou uma atração a mais com canoeiros de 1ª viagem que deram um show a parte.

Esta edição contou com as categorias de solo e dupla masculino, dupla mista e trio. Todos os participantes receberam certificados e os vencedores de cada categoria um troféu em forma de remo.

No solo masculino  venceram João de Oliveira (6min15seg), Nelson Batista e Eduardo salinas (com mesmo tempo de 6´40) e José Antonio (7min). Venceram na dupla masculina João de Oliveira e João Henrique (com os mesmo 6min15seg), Adilson e Manoel (6´40) e Nelson e Dionísio (6´45). Na mista destaque para Ari Antonio e Maria Aurean (7´40), Eduardo e Rosa (9) e Francisco Rosa do Nascimento e Vanessa de Carvalho (9´10).

Na categoria trio, a classificação ficou com Toninho, João Pedro e Ari (5´20), João Henrique, João Oliveira e Nelson (5´50),  Manoel Salinas e Adilson (6´30).

Fotos: JC Curtis/Fundacc

Fotos: JC Curtis/Fundacc

Na avaliação de Felipe Leite, coordenador de Folclore e Tradições Populares da Fundacc – Fundação Educacional e Cultural de Caraguatatuba, esta edição da Corrida de Canoa Caiçara foi importante porque conseguiu trazer pescadores de Ilhabela e Ubatuba, enriquecendo ainda mais o evento.

“Queremos agora fazer um evento anual envolvendo os quatro municípios, em quatro etapas, sendo a última com uma confraternização, como forma de manter essa tradição tão importante para o nosso litoral”.

A participação de ‘canoeiros’ de primeira viagem também foi outro atrativo considerado por Leite como fundamental. “Fizemos um trabalho de trazer pessoas sem experiência, que estivessem de passagem pela cidade, com a Fundacc disponibilizando canoas, pescadores dando dicas para segurança para que pudesse ter essa vivência”.

Quem aproveitou a oportunidade foi Margarida Maria Machado, 62 anos. Ela é corredora e praticante da marcha atlética. Passava pelo Festival do Camarão e resolver experimentar. “Agora vou participar todos os anos”. O casal Francisco Rosa do Nascimento, 67 anos, e Vanessa de Carvalho, 41, fazia caminhada pela Avenida da Praia, parou para o cafezinho e pouco depois já estava dentro da canoa. Ainda garantiu o terceiro lugar na categoria mista.

Quem se divertiu com a experiência foi a aposentada Rosa de Godoi, 68 anos, que adora dançar zumba e chegou a brincar se haveria instrutor junto na canoa. Não teve, mas ela ouviu as explicações e concluiu o percurso toda animada. “Valeu a pena e vou participar mais vezes”.